Tradições de Alguns Dias do Ano (parte II)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Tradições de Alguns Dias do Ano (parte II)

Mensagem  Miguel Pereira em Qui Abr 08, 2010 11:52 am

(continuação)

-No primeiro dia de Maio, não há ningúem que não coloque á entrada de casa ou nalguma janela um ramo de flores ou pelo, menos, uma giesta florida.
Se há raparigas solteiras, estas preparam, geralmente uma coroa com flores variadas.
É o que se chama fazer o maio e se diz ter o condão de afugentar os malefícios que o minhoto tanto teme.
-A Ascensão do Senhor, que a Igreja celebra no quadragésimo dia depois da Páscoa, era outrora o maior de todos os dias santos do calendário católico. Por isso, o povo não só não realizava qualquer trabalho, por mais leve que fosse, como ainda proclamava que durante esse dia nem as avezinhas buliam com os ovos no ninho, pois sabiam que, se o fizessem, eles ficariam grôlos, isto é, não produziriam novos seres.
-No dia de Todos os Santo (1 de Novembro), fazia-se a visita aos cemitérios e o padre lia um ou vários responsos, em sufrágio da alma de pessoa que lhe indicavam. Em muitas freguesias, os sinos dobravam ao longo de toda a noite.
No dia seguinte, em que se recordam os Fiéis Defuntos (ou dia de Finados), apesar de não ser dia feriado, continuavam as romagens aos cemitérios e todo o cristão digno desse nome fazia os impossíveis por participar nas três Missas que a Igreja prescreve para esse dia. Os mais velhos ainda se lembrarão decerto da impressionante sequência "Dies irae" que o padre lia durante a segunda Missa desse dia.
-Pelo São Martinho (11 de Novembro), quase todas as famílias provam o vinho novo: "Pelo São Martinho, vai á adega e prova o vinho". Castanhas assadas ou cozidas servem para acompanhar.
Ás vezes, faz-se mesmo um grande magusto, em que, além se castanhas e vinho, se servem doces e fornece motivo para grande folia e divertimento (e ás vezes, de monumentais bebedeiras).
-A Ceia de Natal ou Consoada constitui um dos motivos de maior alegria para a gente do Alto Minho.
Geralmente é na casa dos pais ou dos avós que todos se reúnem.
Os pratos servidos são: bacalhau cozido com batatas e troços de couve troncha, filhoses, rabanadas, arroz doce, migas e, á sobremesa, figos, nozes e pinhões.
Enquanto na grande mesa da cozinha vão comendo e ouvindo as peripécias que cada um tem para contar, na lareira arde o cepo de carvalho que parece inextinguível e cada vez irradia mais calor.
As horas vão passando, no meio da maior animação.
As crianças jogam aos pinhões (alegres, quando a piorreta rodopia e pára no rapa; os velhos aconchegam-se á fogueira; os homens batem a bisca de seis e as mulheres vão arrumando louças e preparando o arroz doce, as migas ou a aletria.
Quando se aproxima a meia-noite, acendem-se as velas no Presépio e toda a família vai para a Igreja, participar na Missa do Galo.
Ao regressar a casa, depois da Missa, a mãe ou avó dá ordem para irem todos até á sala e só os chama depois de sobre o sapato ou tamanco da cada um haver colocado a prenda de Natal.
A alegria sobe ao rubro, principalmente nas crianças, ao desembrulharem e verem o que lhes coube em sorte.
E o serão finda, se é que não se prolonga no sonho, até com alguma gargalhada a quebrar o silêncio da noite.
-No dia 31 de Dezembro (ou de Ano Velho), á meia-noite, é usual na maioria das casas deitar fora as panelas, tachos, potes, caldeiros e diversas outras coisas velhas e já sem préstimo.
Tudo isto se faz, geralmente, ao som de grande barulho. É o que se chama correr o velho.[i]

_________________
Miguel Pereira

"O que porrada e dinheiro não resolver é porque foi pouco!"
avatar
Miguel Pereira
Administração
Administração

Mensagens : 98
Data de inscrição : 19/12/2009
Idade : 38
Localização : Em Lisboa, infelizmente...

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Tradições de Alguns Dias do Ano (parte II)

Mensagem  André Filipe em Sex Abr 09, 2010 9:29 am

Os textos estão muito bons e realmente aprende-se ou recorda-se muita coisa, mas já agora explica-me uma coisa. Tu quando falas no dia de Finados, referes uma "sequencia Dies irae". Isso é o quê, essa sequência? É que tenho ouvido falar disso, mas para ser sincero não sei mesmo o que é e fiquei com isso na cabeça. A única coisa que me souberam dizer é que isso é do tempo das Missas rezadas em Latim...
avatar
André Filipe
Infantil
Infantil

Mensagens : 14
Data de inscrição : 06/04/2010
Idade : 28
Localização : Braga

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Tradições de Alguns Dias do Ano (parte II)

Mensagem  Miguel Pereira em Sab Abr 10, 2010 12:16 pm

Uma "sequencia" era um determinado texto em forma de oração, que era lido pelo padre durante as missas de alguns dos dias mais sagrados do ano, como o Domigo de Páscoa, o Domingo de Pentecostes, o Dia do Corpo de Deus ou o Dia de Finados, para chamar a atenção dos fiéis para a solenidade desses dias. As sequencias realmente são do tempo da liturgia antiga, ou como disseste, do tempo da Missa em Latim.
No caso da tal sequencia "Dies irae", era um pedaço de prosa alusivo a esse dia em que se falava do Dia do Juízo Final e da esperança na misericórdia de Deus.
Deixo aqui um pedaço dessa sequencia (traduzido para o português), a título de curiosidade:

"Dia de ira, aquele dia
em que o mundo deve ser abrasado,
segundo a profecia de David e da Sibila,
com um juízo profundo.

Ah! quanto temor então
causará a toda a gente,
ver ali um Deus presente
julgando a mais leve acção!

Nas profundas sepulturas
soando um eco fatal,
ao Divino Tribunal
chamará as criaturas.

Da morte, com susto interno,
quem ressurgir tem de ver
quem lá vai a responder
ao grande Juiz Eterno.

Aberto o Livro Selado,
em que tudo está escrito,
onde o mais leve delito
do mundo há-de ser julgado.

Sobre o seu trono de glória
estará o Juiz presente,
fazendo a todos patente
dos seu crimes a memória..."


Depois mando-te tudo por mail, isto é bastante comprido e não cabe bem neste tipo de fórum. Mas obrigado pela tua dúvida, espero ter-te elucidado. Wink

_________________
Miguel Pereira

"O que porrada e dinheiro não resolver é porque foi pouco!"
avatar
Miguel Pereira
Administração
Administração

Mensagens : 98
Data de inscrição : 19/12/2009
Idade : 38
Localização : Em Lisboa, infelizmente...

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Tradições de Alguns Dias do Ano (parte II)

Mensagem  André Filipe em Seg Abr 12, 2010 9:10 am

Respondeste sim, sem dúvida nenhuma. Já li a sequencia toda que me mandaste por mail e é realmente impressionante, mas também é muito bonita. Não faz bem parte de um fórum deste tipo, mas tinha ficado com isso a martelar-me a cabeça. Obrigado por me esclareceres. Wink
avatar
André Filipe
Infantil
Infantil

Mensagens : 14
Data de inscrição : 06/04/2010
Idade : 28
Localização : Braga

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Tradições de Alguns Dias do Ano (parte II)

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum